domingo, 14 de outubro de 2007

O desconhecido...


O horizonte contemplava
Junto a janela dourada
Lá no fundo o pôr-do-sol anunciava
A chegada de um ser inatingível

Inclinei-me um pouco mais
Na tentativa de o admirar
Seu rosto me iluminou
Nesse momento comecei a amar

Seus olhos levantaram
e na minha direcção olharam
Timidamente corei
E as cortinas brancas fechei

Pude nesse instante compreender
Que a minha vida mudara
Pois os meus olhos depois de o ver
Já mais beleza daquela admirara

2 comentários:

John Lemmos disse...

Eis-me aqui na minha primeira vez contigo lol.......
Não sou pessoa de grandes comentários ou comentários longos...direi apenas que: TENS TEXTOS SOBERBOS AQUI :)

**beijo**

oversleep disse...

Miguinha... tens mto talento.

Parabéns! ;)

Dizer NH é apropriado aqui? :p

Beijo.