quinta-feira, 27 de setembro de 2007

Só...


Sim! És tu quem eu quero...
És tu quem eu espero...
E grito como quem chora de dor
Por não sentir a brisa do teu amor

Eis-me aqui só ...
Perdida, despida, caída...
Neste chão que se abre em pó
E eu aqui, vendida, sofrida, rendida...

3 comentários:

NETMITO disse...

Ser é ser...
Sentir...
viver...
e...
Bjs*)

John Lemmos disse...

...se disser algo posso estragar...
LINDÍSSIMO

**beijo**

Isa disse...

Está lindissimo, é pena eu sentir como se fosse eu.
Triste mas lindo.